Newsletter

Sling ou canguru? Qual deles é melhor para o meu bebê?

Quem é mãe já sabe e quem ainda não é, mas quer ser, vai saber: a gente ama ficar coladinha com o nosso filho desde o nascimento. Afinal, ficou 9 meses na barriga, não é? E nada é à toa, pois o contato entre o recém-nascido e a mãe é de extrema importância para o desenvolvimento da criança nessa primeira fase de vida.

Só que, com o tempo (e as dobrinhas aumentando), fica cansativo carregar nossos filhos para lá e pra cá, ainda mais com tanta coisa para fazer durante o dia. É por isso que os facilitadores de colo tem ganhado cada vez mais espaço entre as mamães.

Tudo bem, os facilitadores de colo são a solução para o bem-estar dos nossos filhos e para nós também. Mas, e agora? Sling ou canguru? Qual o melhor? Qual o mais benéfico para saúde? Calma, que todas essas perguntas serão respondidas aqui!

O que é o Sling?

O sling é o carregador mais versátil e saudável de todos, porque dá para carregar tanto o bebê recém-nascido quanto crianças pequenas, de 2 a 3 anos. Além disso, os slings são feitos de tecidos, com o intuito de “amarrar” o bebê junto ao corpo da mãe na posição mais confortável para ambos.

E o que é o Canguru?

O canguru é um carregador que lembra uma “mochila”, podendo ser usado tanto nas costas quanto na frente. O canguru foi o carregador mais popular no início dessa tendência de facilitadores de colo.

Porém, com o tempo, foi provado que o canguru pode ter um efeito negativo na estrutura em formação do bebê e por isso, atualmente, o produto está perdendo os holofotes entre as mães.

Qual a diferença entre Sling e Canguru?

Mesmo ambos sendo carregadores de bebês, essa é a única semelhança entre os dois, o fato de facilitar que a mãe (e o papai também!) realize outras atividades com as mãos enquanto mantém contato com a criança. Agora, em questões de saúde, bem-estar e até estilo, as duas opções divergem muito.

Posição no Sling x Canguru

Entre as principais diferenças do sling e canguru está a questão da anatomia. O sling possibilita que o recém-nascido mantenha a coluna no formato de um C, e assim ir se desenvolvendo aos poucos para conseguir manter a coluna reta sozinho — o que ocorre por volta dos seis meses de idade. É muito importante respeitar o ritmo natural para que esse desenvolvimento, crescimento e o amadurecimento da estrutura óssea e muscular do bebê aconteça de forma adequada.

Já no canguru o bebê fica com a coluna mais ereta, com a pernas penduradas (o que, inclusive, gerou o apelido “penduru”). Como o corpo do bebê é muito molinho, isso acaba atrapalhando e forçando um desenvolvimento precoce da criança, além de sobrecarregar a região genital e pélvica da criança.

Posições no sling e canguru
Fonte: Ergobaby

Idade recomendada Sling x Canguru

Outra diferença entre ambos os facilitadores diz respeito a idade recomendada para uso. O sling pode ser utilizado desde o nascimento do bebê, pois respeita a anatomia e o desenvolvimento dele. Além disso, o sling poderá ser usado para carregar crianças de até 3 anos, mas dificilmente a criança quer se manter no colo com essa idade.

Posições do Sling em diferentes idades
Fonte: Instagram

O canguru só é recomendado a partir dos 3 meses, pois é nesta época que o bebê já está com o pescoço mais firme, e consegue sustentar o peso da própria cabeça sozinho. A coluna, no entanto, só estará fortalecida para ficar mais ereta por volta dos seis meses. Além disso, como já mencionamos, o canguru exerce uma certa sobrecarga na região genital, trazendo grande irritação ao recém-nascido, e fazendo com que ele dificilmente use o canguru após 1 ano de idade.

Modelos do Sling x Canguru

Outro ponto que ajuda na escolha entre sling ou canguru é a variedade de modelos. Em resumo, o canguru nunca muda o design, variando apenas de cor e material. Já o sling possui diversos tipos, sendo que o wrap sling e o sling de argolas são os mais conhecidos. Cada um deles foi pensado nas diferentes necessidades dos pais:

E agora? Sling ou canguru?

Sling, com certeza! Por mais que o canguru também seja um facilitador de colo e tenha sido usado por muito tempo, não vale a pena arriscar a saúde e bem-estar dos nossos bebês. Ainda mais porque estamos falando de uma fase essencial, de desenvolvimento físico e emocional.

Então, o melhor conselho, de mãe para mãe, é: opte pelo carregador que faz bem para o seu bebê. Além de ser seguro, o sling é benéfico para seu bebê, mantendo ele mais calmo, diminuindo a cólica os refluxos e muito mais.

Agora, pode ser que onde você more não tenham lojas especializadas na fabricação de sling. Então, por último, mais um conselho: acesse a loja online da Panno Sling e se encante com a diversidade de modelos e estampas, com entrega para todo o Brasil! 🙂

Deixe sua dúvida que a gente te ajuda

Your email address will not be published. Required fields are marked *

×