Newsletter

4 Cuidados com recém-nascido que são essenciais

Quando um recém-nascido chega ao mundo ele ainda é muito pequeno e frágil, sendo seus primeiros meses de vida fundamentais para que seu desenvolvimento seja pleno e saudável. Por isso, é normal que os papais e as mamães fiquem felizes com esse momento tão esperado, mas também preocupados em como lidar com as demandas necessárias.

Pensando nisso, a gente preparou uma lista de 4 cuidados com recém-nascidos, essenciais nos primeiros meses de vida, para você se preparar e curtir o pequeno sem maiores preocupações. <3

1 – Estimulando a amamentação

O leite materno é o principal alimento que o bebê recém-nascido deve ter, pois garante todos os nutrientes necessários até os seus seis meses de idade. É importante ressaltar também que, além dos benefícios para o bebê, amamentar também protege a mãe contra o risco do câncer de mama e de útero.

O estímulo da amamentação junto ao recém-nascido deve ocorrer desde os seus primeiros momentos de vida. O bebê deve ser colocado próximo ao seio materno para que possa reconhecer onde pode encontrar alimento e claro, sinta-se seguro. É neste período, também,  que o bebê irá fortalecer os seus vínculos junto a mãe.

Lembrando que a amamentação não deve ser um processo dolorido e nem agredir a pele da mãe. Aqui no blog, já falamos sobre rachaduras nos seios, indicamos como leitura complementar!

Geralmente o recém-nascido se comunica e diz que está com fome através do choro, mas nem sempre as lágrimas irão cessar depois da amamentação. Nessas horas, é possível que o bebê esteja com cólicas, que são muito comuns nessa época em que eles ainda estão desenvolvendo a sua flora intestinal.

Cólica em recém-nascido: o que fazer para aliviar?

2 – Cuidados na hora do banho

O banho do recém-nascido é um dos momentos que exige muito cuidado e delicadeza, como a atenção redobrada com a temperatura da água. Esta não deve ultrapassar os 37°C, estando morna e agradável para o corpinho do bebê.

Para não errar na hora de medir a temperatura, existem muitos tipos de termômetros a venda que podem te auxiliar nessa etapa. Além disso, é importante ter próximo de você tudo que irá precisar antes de iniciar o banho, como o sabonete, toalha, fralda e a roupinha, para evitar que o bebê possa sentir frio ou desconfortos.

3 – Trocando a fralda com tranquilidade

Esse é um momento geralmente temido por alguns papais e mamães de primeira viagem, mas que com um pouquinho de prática, acaba se tornando mais fácil do que você pensa!

Primeiro de tudo, saiba que não é necessário fazer a troca de fraldas toda vez que o recém-nascido faz xixi. Porém na hora do cocô é impossível deixá-lo por muito tempo com a fralda suja, pois além de ser desconfortável para o bebê, estimula a proliferação de bactérias e pode causar assaduras.

Então, esteja preparado para um grande número de trocas, pois os recém-nascidos podem evacuar, em média, oito vezes ao dia. Ao realizar a troca, prefira o uso de algodão com água morna para higienização, pois alguns lenços umedecidos contém propriedades que podem causar alergia ao bebê.

Além disso, é importante ter cuidado com  o movimento de limpeza, que deve ser feito suavemente da frente para trás. Outra prática importante é realizar a higienização do umbigo com cotonete e álcool em toda troca de fralda!

Caso o bebê acabe chorando muito na troca de fraldas, experimente usar o som do útero para acalmá-lo. Esses áudios você encontra tanto em aplicativos quanto no YouTube, como nesse exemplo.

4 – Contato com as pessoas e com o mundo externo

Após sair da barriga da mãe, o recém-nascido chega ao mundo acostumado com um ambiente de paz e tranquilidade, como se sentia quando estava no útero. Por isso, é muito importante respeitar o seu desenvolvimento e propiciar ambientes silenciosos, principalmente nos primeiros dias de vida.

É claro que isso não significa que o bebê não possa receber visitas, mas é importante que os familiares prezem pela saúde frágil do pequeno e evitem beijá-los ou tocá-los sem antes higienizar as suas mãos. Além disso, o bebê não deve ter contato com ambientes externos que possam oferecer riscos, como ruas movimentadas, e ambientes fechados com ventilação e ar condicionado, como shoppings.

Cuidar de você é fundamental

Existem outros cuidados que são essenciais para o recém-nascido, mas esperamos que as nossas dicas tenham te ajudado a ter mais clareza com alguns aspectos importantes. E agora, a nossa última dica é: cuide de você! 

Isso mesmo! Tão importante quanto cuidar do seu bebê, é cuidar da sua saúde. Essa nova fase será repleta de novos sentimentos e experiências, além de muito trabalho para que não falte nada ao novo membro da família. Por isso, esteja atento também a sua saúde  principalmente as mamães, que além de cuidar do bebê, precisam amamentá-lo.

Você também pode se interessar

Deixe sua dúvida que a gente te ajuda

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Sling

Instagram Feed

No value found for User ID or AccessToken.

×