Newsletter

Como começar uma rotina noturna com o bebê

Com um novo bebê em casa a rotina diária muda drasticamente. As noites passam a ser mais difíceis e é preciso se adequar às necessidades do novo integrante da família, porém mesmo com toda a correria é possível começar a implementar horários para que o bebê faça as coisas.

A partir da sexta semana, você já pode introduzir uma rotina para seu bebê, principalmente na hora de dormir. Para que os bebês se sintam seguros, é muito importante que os pais estabeleçam uma rotina noturna e que ela seja seguida todos os dias.

Pensando nisso trouxemos dicas de como começar a sua e qual a importância dela! Continue lendo para saber mais.

Importância de uma rotina noturna

Assim como os adultos, os bebês precisam seguir uma rotina, principalmente à noite, para que o pequeno consiga descansar direito. Por isso é importante estabelecer rituais do sono nesta fase.

A rotina do sono irá ajudar o bebê a ficar mais relaxado e seguro, pois seus dias serão previsíveis e ele saberá o que vem depois. Mas como começar uma? Fique de olho nas nossas próximas dicas!

Como começar uma rotina noturna com o bebê?

Ensine a diferença entre o dia e a noite

A partir da segunda semana do seu bebê já é possível começar a mostrar para ele a diferença entre o dia e a noite. Você pode fazer isso colocando roupas diferentes e mantendo a casa um pouco mais agitada durante o dia.

À noite você pode começar dando um banho e colocando um pijaminha em seu filho e aos poucos diminuindo os ruídos e a luz. Dessa forma, o bebê começará a entender a diferença e você poderá evitar que ele troque o dia pela noite, ou seja, seu filho irá dormir mais durante a noite.

Sonequinha durante o dia

No começo o sono do bebê é bem desregulado e ele dormirá muito durante o dia, mas não se preocupe pois isso é normal. Até os três anos, mais ou menos, a criança precisa tirar uma soneca ou mais ao longo do dia.

Não precisa cansar o bebê

Muitos falam que é preciso cansar o bebê para que ele durma a noite toda, mas isso é um mito. Ao cansar o bebê a criança fica mais irritada e cansada, pois ela precisa tirar um cochilo durante o dia para ter uma noite mais tranquila.

Com uma rotina estabelecida, onde você terá horários corretos para a amamentação, brincadeiras, banho e outras necessidades, não é preciso deixar seu filho cansado, basta seguir os horários e todos ficarão felizes e descansados.

Rituais do sono

Para começar uma rotina noturna você terá de entender que será preciso estabelecer horários, mas também precisará adequá-los ao que o bebê quer. Comece observando quando o bebê começa a ficar cansado durante a noite, assim, todas as noites nesse horário você irá começar seu ritual.

Muitos começam dando um banho morno para relaxar o bebê e uma última mamada antes de dormir. Dê uma chance para que a criança durma sozinha, para isso crie um ambiente calmo e tranquilo, é muito importante que isso seja feito no próprio quarto do bebê para que ele se acostume a dormir lá.

Outro fator importante é não deixar a criança dormir no colo e nem acostuma-la a ficar com sono no colo. Se o bebê estiver com dificuldades para pegar no sono, tente fazer uma massagem relaxante, colocar músicas de ninar e ainda um objeto de conforto.

Alguns bebês gostam de movimento, você pode dar uma andada com ele pelo quarto de forma calma, mas sem deixar que ele durma no seu colo. Lembre-se de colocar um babador ao andar pela casa, caso seu bebê babe um pouco. Veja o que se adequa melhor para seu bebê, mas lembre-se, a rotina noturna só dará certo se for feita todos os dias da mesma forma, mesmo nos finais de semana.

Ajuste os horários do bebê conforme a idade dele

Conforme o bebê cresce suas necessidades mudam, por isso, é preciso que você vá adequando os horários da soneca e dos rituais do sono, assim como os horários de alimentação e banho. Tudo isso você irá conseguir adequar observando atentamente o comportamento do bebê.

Não se preocupe com imprevistos ou se não conseguir acertar de primeira, será questão de adaptação e costume, além disso não existe um guia definitivo para criar filhos, pois cada criança precisa de um tipo de cuidado.

Gostou destas dicas? Acompanhe nosso blog para saber mais!

Deixe sua dúvida que a gente te ajuda

Your email address will not be published. Required fields are marked *

×